O Brasil tem um roubo de carro a cada três minutos.
12/11/2015 - Autor: LOCABRÁS - 16:31

Mais de 213 mil carros foram roubados em 2014.
São Luís (MA) é a capital que apresenta maior crescimento do índice.

O Brasil registra um roubo de carro a cada três minutos. São Luís, no Maranhão, é a capital onde o risco de voltar a pé para casa é maior. Agora, quase metade dos roubos acontece mesmo em São Paulo, porque a frota é a maior do país.

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública indica ainda que no Rio de Janeiro esse tipo de crime cresceu no ano passado.

Um carro roubado a cada três minutos nas capitais do Brasil. É um índice alarmante e que apavora motoristas. O levantamento inédito incluído no Anuário Brasileiro de Segurança Pública mostra que mais de 213 mil carros foram roubados em 2014. São 2,74% a mais do que em 2013. Mas quando comparado ao aumento da frota nacional, o índice apresentou queda de 2,09%.

Mesmo assim, os números continuam muito altos, segundo o especialista em Segurança Pública Ignácio Cano. “O mais importante é investigar melhor esses circuitos, que acabam roubando e comercializando esses veículos”, indica o sociólogo.

São Luís, no Maranhão, foi a capital que apresentou maior crescimento de furtos e roubos de veículos: 1.658 carros em 2014 e 1.013 no ano anterior, um aumento de quase 60%.

Teresina, a capital do Piauí, também teve números expressivos. Ela é a segunda capital do país a apresentar o maior crescimento percentual. No ano passado foram roubados ou furtados lá 3.241 veículos, um aumento de 57,10% em comparação com 2013. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança, o principal alvo dos bandidos são as motos.

Um homem, que prefere não mostrar o rosto, conta que a irmã foi uma das vítimas desta violência na porta de casa. “Quando ela desceu do carro para abrir o portão, um único rapaz chegou e abordou ela já pedindo a chave do carro, já pedindo a bolsa", diz.

Em São Paulo, que tem a maior frota do país, 99 mil veículos foram furtados ou roubados em 2014. O índice ficou estável em relação ao ano anterior.

No Rio de Janeiro houve aumento de 6,03%. Os assaltantes levaram mais de 21 mil carros em 2014. Uma rua em Realengo mostra bem o que está acontecendo no Rio de Janeiro principalmente na Zona Oeste da cidade. Três vizinhas de lá tiveram o carro roubado em dias diferentes.

O mesmo aconteceu com uma professora. Ela entrava na escola quando foi abordada por ladrões e também perdeu o carro. Foram quatro assaltos em menos de dois meses na área.

”Puxou a arma. Quando eu olhei a arma pelo retrovisor, falei: ‘Nossa, perdi’", conta uma vítima. O carro dela foi usado pelos bandidos em assaltos. “Eles param você de moro ou de carro, mesmo de bicicleta. É melhor não reagir, com certeza, porque você nunca sabe se eles estão com uma faca”, declara.

O governo do Maranhão disse que vem trabalhando para reduzir os índices de violência e que os dados refletem o resultado da falta de investimentos no setor ao longo de anos.

No Rio de Janeiro, a Polícia Militar disse que o roubo de carros agora está em queda. Foram quase 2,5 mil roubos a menos no primeiro semestre. O governo do Piauí também disse que houve uma queda dos índices.

 

Fonte: Bom Dia Brasil - Globo

peça um orçamento